terça-feira, 26 de janeiro de 2016

Sou

11:03

Cada dia difere como a música passada na rádio, num tempo repensado, numa fusão entre o real e o fictício, tudo num tema marado.

A vida precisa de achar caminho de um tempo real, de um tema especial, de um alumiar do caminho, através de um sonho que eleva o espírito ao seu auge.

Thereza Green 


(imagem Web)